Apartado 53

Um blog contra o AO90 e outros detritos

A Wikipédjia lusôfuna

Wikipedia República Federativa do Brasil
wikipediawaldirA chamada “Wikipédia Lusófona” já não é mistério nenhum: “lusófona” na capa, brasileira no conteúdo.

Com a aquiescência passiva de um ou outro mas, principalmente, com a colaboração activa de meia dúzia de portugueses, aquela espécie de enciclopédia virtual não passa, hoje em dia, de mero instrumento de difusão da Cultura brasileira e de simples máquina de propaganda do AO90. Máquina essa que, por conseguinte, (lhes) serve como dispositivo de intoxicação acordista.

Não era assim, de todo: durante alguns anos, desde a fundação da plataforma Wikipedia, coexistiram nela, sem qualquer problema, as duas versões normais: PT e PT-BR.

Então, afinal, como sucedeu a endlösung  da Wikipedia em Português-padrão?

Bem, a “solução final” foi decidida por um enorme universo de… 22 pessoas. Na imagem aqui ao lado estão os resultados de uma “votação” que determinou a extinção sumária do Português de Portugal na “Wikipédia Lusófona”; na citação em baixo está o respectivo relatório de extermínio.

No final, contabilizámos 17 opiniões favoráveis (incluindo as de três usuários que tinham votado contra a primeira proposta), quatro neutros e um voto contra. Apesar de não se ter conseguido a tão almejada unanimidade (possivelmente uma utopia, considerando o caráter controverso do tema), este resultado espelha uma muito maior convergência de opiniões do que o da primeira consulta.

Votação encerrada: Adoção faseada do Acordo Ortográfico na WP
Período de votação: 16 de agosto – 15 de setembro
A FAVOR: 17 — CONTRA: 1 — CONCLUSÃO: APROVADO

Porque aconteceu semelhante desgraça? Quando foram removidas todas as marcas distintivas da nossa ortografia? Desde quando começaram a ser demolidas e substituídas por conteúdos brasileiros as entradas respeitantes à Cultura portuguesa?

Vamos por partes. O “Livro de Estilo” daquela coisa reza assim:

Ortografia

Ver artigo principal: Wikipedia:Ortografia

Presentemente a Wikipédia aceita como igualmente válidas as seguintes normas:

Ficam interditas quaisquer edições que visem alterar a grafia das palavras de uma norma para outra. No entanto, a mistura de normas num mesmo artigo pode ter resultados um pouco estranhos. Assim, se um utilizador fizer mudanças significativas num determinado artigo escrito numa outra norma, é compreensível que edite a parte não alterada para se adequar à parte nova. O que significa realmente “mudanças significativas” cabe a cada um decidir, mas 50% é um valor razoável.

Sempre que houver palavras no título de um artigo que possuam duas ou mais escritas possíveis, devem ser criadas as remissões correspondentes. Para antropónimos, quer lusófonos quer não lusófonos, ver convenção de nomenclatura para nomes próprios.

Em virtude das substanciais diferenças que ostenta face às ortografias lusófonas habituais, a grafia preconizada pela Associação Galega da Língua para o galego, entendido como variante do português, não é aceite na Wikipédia de língua portuguesa como válida.

Versões da língua portuguesa

A Wikipédia em português não usa uma versão específica da língua comum, pelo que são bem-vindas as contribuições de todos os que escrevem em língua portuguesa, independentemente do seu país de origem. No entanto, foram definidas algumas regras de etiqueta para facilitar não só a coexistência de diferentes versões da língua mas também para aumentar a facilidade de compreensão dos artigos:

  • Cada artigo deve apresentar uma ortografia tão homogênea quanto possível.
  • Devem-se evitar os regionalismos, asiacismos, africanismos, brasileirismos ou lusismos que possam constituir obstáculo à compreensão do texto por parte de um falante de português de outra região ou país, preferindo palavras e expressão que sejam entendidas por todos sem dificuldades. Veja artigo Como resolver problemas linguísticos.
  • Quando tal é inevitável, devem ser explicadas as diferenças. Veja, por exemplo, o artigo Gandula:

Gandula (português brasileiro) ou apanha-bolas (português europeu) é pessoa responsável por buscar as bolas que são jogadas para fora do campo em uma partida de futebol

Ou seja, não se pode alterar a grafia das palavras de uma norma para a outra (portanto, continuam a existir duas normas) mas, afinal… pode-se alterar a grafia das palavras na mesma, aquilo de não se poder, ah, esqueçam, era só uma brincadeirinha: se as mudanças forem “significativas” (50% é “razoável”, dizem os brincalhões), o “colaborador” já pode estropiar tudo à vontade. Oh, maravilha das maravilhas, aquilo dos 50% também deve ser a brincar, não liguem, se calhar basta dizer “oi, cara, foi 50%, viu” e pronto, ninguém vai lá contar as palavras uma a uma, mas que trabalheira, deixa p’ra lá, viu.

E não se ficam por aqui as piadolas, há mais, há a granel, então aquela da versão específica da língua comum é mesmo um fartote de rir, ahahahahahahah, excelente, são uns cromos, digo, cómicos.

Bem, bem, bem. Mantenhamos a compostura, que isto não tem graça nenhuma. Vejamos. Depois de no “Livro de Estilo” terem dito uma coisa e o seu contrário, foram os “caras” formalizar o cambalacho, salvo seja, numa outra brincadeira a que chamaram…

Regras ortográficas na Wikipédia

Até recentemente, em termos ortográficos, o Brasil regia-se pelas normas do Formulário Ortográfico de 1943, com as alterações introduzidas em 1971, enquanto que os restantes países lusófonos seguiam o Acordo Ortográfico de 1945, ligeiramente alterado em 1973. Não sendo profundamente divergentes, as duas regras ortográficas apresentam algumas diferenças importantes. Esta situação constituía um real motivo de atrito num projeto transnacional como é a Wikipédia lusófona. Basta ver que muitas das intermináveis discussões e dos pontos de conflito entre wikipedistas centravam-se nestas diferenças de escrita.

Apesar de, em 1990, os governos dos diversos países lusófonos terem assinado um novo Acordo Ortográfico que unificava a escrita de 98% do vocabulário da língua portuguesa, por razões várias, só em anos recentes foi possível cumprir todos os trâmites legais e dar início à sua plena implementação. Mas, como o calendário de efetivação do Acordo Ortográfico varia de país para país, a Wikipédia decidiu estabelecer os seus próprios prazos e regras.

Assim, a partir de 1 de outubro de 2008 as regras do Acordo Ortográfico de 1990 passaram a ser aceites em qualquer edição na Wikipédia lusófona, em pé de igualdade com as do Formulário Ortográfico de 1943 e as do Acordo Ortográfico de 1945. A partir de 1 de janeiro de 2009, as normas do Acordo Ortográfico de 1990 passaram a ser usadas de forma preferencial na Wikipédia de língua portuguesa, passando a ser redigidas em conformidade a página principal, os títulos de todos os artigos e todas as “páginas oficiais” da Wikipédia (menus, políticas, recomendações, resolução de problemas, guias de ajuda, FAQ e glossário, correspondendo aos domínios Ajuda, MediaWiki e Wikipedia).

Um ano após a adoção oficial das novas regras no Brasil e perante a progressiva generalização do seu uso neste país, a comunidade decidiu iniciar um processo gradual de eliminação das características do Formulário Ortográfico de 1943 (de uso circunscrito ao Brasil) que contrariam tanto o Acordo Ortográfico de 1990, como o de 1945 (norma oficial nos restantes países lusófonos). Isto foi feito em três etapas que ocorreram no primeiro trimestre de 2010, contemplando o seguinte:

  • Supressão do trema em contextos do tipo -gu- e -qu- (agüentar, lingüista, seqüênciaaguentar, linguista, sequência).
  • Supressão dos acentos em palavras paroxítonas com ditongos tónicos -ei- na sílaba tónica (assembléia, Coréia, européia, idéiaassembleia, Coreia, europeia, ideia).
  • Supressão dos acentos em palavras paroxítonas terminadas em -oo (abençôo, enjôo, vôoabençoo, enjoo, voo); e ainda em palavras paroxítonas com i e u tónicos, quando precedidas de ditongo (baiúca, boiúnobaiuca, boiuno).

Em 2011, a comunidade decidiu a extinção do Formulário Ortográfico de 1943 como uma das oficiais da Wikipédia, sendo que qualquer característica exclusiva do Formulário Ortográfico deve ser removida.

Deste modo, as ortografias admitidas na Wikipédia lusófona são as seguintes:

Assim, é mantida a liberdade de cada utilizador usar qualquer uma das duas normas ortográficas e ficam interditas quaisquer edições que visem alterar a grafia das palavras de uma norma para outra, exceto nos casos em que a ortografia ou gramática seja exclusiva do Formulário Ortográfico de 1943 e nos casos descritos no ponto seguinte “Artigos com forte afinidade a certos países lusófonos” — onde a preponderância é dada à norma em uso em cada país lusófono. No entanto, é possível, para os leitores que assim desejarem, consultar versões dos artigos produzidas automaticamente por um conversor de idiomas, que troca expressões presentes nos artigos por outras de mesmo significado indicadas nos dicionários específicos de cada variante.

Ah, bem, então, mesmo assim, a Wikipédia “lusófona” ainda nos “deixa” criar novas entradas com a ortografia correcta, certo?

Errado.

wikipediawaldir32. Aplicação do AO nos artigos com fortes afinidades a Portugal e Cabo Verde, além de artigos escritos nessas variantes

Tanto Portugal quanto Cabo Verde estão em um período de transição para o Acordo Ortográfico de 1990. A Wikipédia também pode atualizar esses artigos com fortes afinidades a esses países para que as pessoas leiam conforme acordo ortográfico.

Artigos escritos nessas variantes (Artigos em português europeu e caboverdiano, que não tem categoria própria) também serão transferidas para o AO1990.

De notar que estas doutas sentenças (de morte) foram lavradas entre 2008 e 2011. De então para cá, nos últimos cinco anos, a campanha de brasileirização em massa disparou, com  paroxismos de ferocidade e requintes de malvadez: já não restam praticamente quaisquer vestígios da Wikipedia PT. O endereço da versão brasileira desapareceu; agora apenas existe o endereço virtual pt.wikipedia.org, que era anteriormente o da versão portuguesa.

O camartelo da “língua única” (ou seja, da Cultura única) vai demolindo todos os dias um pouco mais tudo aquilo que não seja brasileiro, substituindo conteúdos sistematicamente e até mesmo com efeitos retroactivos, reescrevendo assim a própria História.

Espalhadas pelas diversas “seções” desta virtual enciclopédia brasileira, deparámos com coisas tão “lusófonas” como “fato“, que em Portugal se pronuncia “faCto”, devido a “teimosia lusitana“; vemos o Palácio do Planalto como exemplo de “metonímia”; temos que a expressão “esse moço é um gato” é exemplo de “metáfora”; ficamos a “saber” que a palavra “Acto” pura e simplesmente não existe. “Instantâneos” deste extermínio virtual estão por todo o lado, ali, naquele “lusófono” mundo inventado.

A sanha anti-“lusitana”, com a colaboração militante de alguns traidores portugueses, manifestou-se inclusivamente contra a ILC-AO. Em Setembro de 2012, publicámos um “post” expondo a situação: Para a Wikipedia em “português” a ILC AO é “spam”. No fim de contas, isto  foi para a nossa Iniciativa uma muito honrosa distinção: seria de facto vergonhoso que naquele antro existisse um “verbete” a nosso respeito, redigido numa Novilíngua repugnante.


Nota: para aceder a alguns dos endereços aqui indicados é necessário possuir conta de “colaborador” da Wikipedia, já que os conteúdos são reservados aos participantes inscritos. Mantenho ali a minha “conta” mas cessei qualquer espécie de colaboração precisamente quando me apercebi (2010) de que aquilo iria passar a ser exclusivamente brasileiro. Presumo que a publicação deste post acabe por me “custar” o “despedimento” do “cargo”, oh, mas que aborrecimento.


Imagem de topo: “blog” Pátria Amada Brasil

Print Friendly, PDF & Email
Share
Apartado 53 © 2017 Frontier Theme