Tchin-tchin

O Apdeites cumpre hoje o seu 3º aniversário. É ainda uma criança, mas já com uma longa e atribulada história.

Em Novembro de 2004, com o primeiro ano de vida por completar, um incêndio destruiu quase por completo a sua “toca” e, assim, foi necessário encontrar outro sítio.

No ano seguinte, em Dezembro, uma inundação ameaçou levar tudo pela frente; mais uma vez, foi necessário recolher os tarecos e mudar novamente de poiso.

Entre Dezembro de 2006 e Janeiro deste ano, outro percalço – desta vez com a casa virtual, em http://cedilha.com – forçou nova mudança, também ela virtual, para o espaço onde finalmente (e regaladamente) o Apdeites se encontra agora.

Vivendo e aprendendo, como se costuma dizer. Comparado com o incêndio ou com a inundação, este último incidente não passou portanto de coisa menor, ligeiro aborrecimento, ainda para mais sendo apenas virtual. Na altura, quando as coisas sucedem, a gente pensa que é o fim do mundo, oh, que desgraça, maldição, está tudo estragado, mas o tempo acaba por justificar e até explicar ou dar um sentido a cada problema.

É assim, com a força que resulta da adversidade, que este sítio aparece agora de cara lavada, figurada e literalmente, renovado, ressurgindo com entusiasmo e alento acrescidos. Aquilo que não nos mata acaba por nos tornar mais fortes, como diz o povo e é bem verdade.

No fundo, no fundo, neste dia de comemoração íntima, não havendo nada a agradecer quando se trata de pulhas e de pulhices, há que reconhecer este facto: se hoje estamos melhor do que antes, isso deve-se em grande parte a quem nos tentou destruir. Não conseguiram, muito pelo contrário, e a prova está aqui mesmo.

O nosso agradecimento, a manifestação da mais profunda gratidão, a quem nos ajudou nas horas mais difíceis, de forma absolutamente generosa e desinteressada.

Ao companheiro Luís Mendes, do Katembe.

Ao companheiro Orlando Braga, do Letras Com Garfos.

Ao companheiro Ricardo B., do Zone 41.

Aos amigos desconhecidos que, de alguma forma, nos acompanharam.

A todos os visitantes e utilizadores do Apdeites.

Saúde!

Tchin-Tchin

Imagem tomada de empréstimo (apenas porque se trata de uma boa causa) do site Keukenlast.

4 comentários em “Tchin-tchin”

  1. Parabéns pelo aniversário!
    Se não for no bom sentido, que o quarto ano de vida do Apdeites não traga nada de inesperado. Já chega, não?
    Mais uma vez parabéns e, pela minha parte, obrigado pela ajuda que me tem dado.

  2. parabéns pelo aniversário e que continue a ajudar quem não sabe, como no meu caso em que o seu artigo sobre “plágio” já me ensinou alguma coisa pois infantilmente já o fiz. São as asneiras de quem ainda pouco percebe disto. Felicidades e que conte muitos. F. Neto

  3. parabéns pelo aniversário e que continue a ajudar pessoas como eu pois o seu artigo sobre “plágio” já me serviu porque infantilmente já o fiz. Asneiras de quem não percebe nada disto. Parabéns e continue. F. Neto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *