O Público e os “blogues”: um feliz “casamanto”?



O jornal Público, através do serviço Twingly, faz ligação directa aos “blogues” (porque não “belogues”?) que citam… o jornal Público. Isto é uma coisa que se chama, em termos técnicos, detecção de “traque béques”.


O jornal Público tem também, na página principal da edição online, uma caixa de feeds (“fides”, por conseguinte) de alguns blogs nacionais.


O jornal Público – ao contrário de pelo menos alguns dos “belogues” que o citam – não utiliza, pelos vistos, qualquer espécie de revisão ortográfica: nem automática, nem manual, nem mesmo “a olho por cento”. Até na primeira página, em letras garrafais, publica “espélingue misteiques”).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *