«Os apátridas da língua que nos governam» [Pacheco Pereira, “Público”, 16.05.15]

À memória do Vasco Graça Moura Não sei se são válidos ou não os argumentos jurídicos que discutem a data da aplicação efectiva do Acordo Ortográfico [AO], se nestes dias, ou em 2016. Isso não me interessa em particular, a não ser para registar a pressa suspeita em o aplicar contra tudo e contra todos. … Continuar a ler«Os apátridas da língua que nos governam» [Pacheco Pereira, “Público”, 16.05.15]

«Fugir a tomar decisões» [Pacheco Pereira, revista “Sábado”, 06.02.14]

Assembleia da República: fugir a tomar decisões O modo como a Assembleia da República está a fugir de tomar posições é bem revelado no modo como se empurrou para o eterno e adiado futuro a decisão sobre o Acordo Ortográfico. Percebe-se que a opinião dos deputados não conta para nada, mesmo havendo uma possível maioria … Continuar a ler«Fugir a tomar decisões» [Pacheco Pereira, revista “Sábado”, 06.02.14]

«Para eles é indiferente o destino da Língua» [Pacheco Pereira, SICN, 07.03.14]

«O problema é que não se trata de reformar o Estado. Trata-se de aplicar uma visão empresarial ao funcionamento do Estado. Porque a única lógica que existe em muitas medidas governamentais é uma lógica daquilo que a elite que está no poder, uma, com interesse próprio considera que são as políticas boas para algumas empresas … Continuar a ler«Para eles é indiferente o destino da Língua» [Pacheco Pereira, SICN, 07.03.14]

«Acabar já com este erro antes que fique muito caro» [Pacheco Pereira, “Público”, 18.01.14]

Acordo ortográfico: acabar já com este erro antes que fique muito caro JOSÉ PACHECO PEREIRA 18/01/2014 – 00:48 Passado um período de transição, pode voltar-se rapidamente à norma ortográfica vigente e colocar o acordo na gaveta das asneiras de Estado, junto com as PPP e os contratos swaps e muita da “má despesa”. O acordo … Continuar a ler«Acabar já com este erro antes que fique muito caro» [Pacheco Pereira, “Público”, 18.01.14]

«Acordo Ortográfico» [José Pacheco Pereira, “blog” Abrupto, 29.09.12]

«Estamos para com o Acordo Ortográfico, uma aberração sem sentido que não merece sequer que se lhe discuta qualquer mérito, como se esteve para com o disparo do défice e da despesa pública: deixa-se andar e depois vê-se no que dá. Já sabemos o que deram o défice e a dívida. A única força que … Continuar a ler«Acordo Ortográfico» [José Pacheco Pereira, “blog” Abrupto, 29.09.12]

«Maravilhas da fonética» [Nuno Pacheco, revista “2”, 19.04.15]

Maravilhas da fonética Há uns dias, por velhos impulsos e novas necessidades, encheu-se o anfiteatro 1 da Faculdade de Letras de Lisboa para discutir a malfadada questão do chamado acordo ortográfico. Mas esta crónica vai, como se verá, para além dele. É que, a dada altura, embora toda a gente falasse de ortografia, na verdade … Continuar a ler«Maravilhas da fonética» [Nuno Pacheco, revista “2”, 19.04.15]

«Uma fervente sopa de letras» [Nuno Pacheco, “revista 2”, 24.03.2013]

Na semana passada, falou-se aqui dos Colóquios da Lusofonia na sua vertente lúdica e ostensivamente passeante. Mas, para que não se julgue que os seus promotores não têm objectivos mais profundos, convém ler o documento Manifesto contra a crise: a língua como motor económico (no Brasil escrever-se-ia “econômico”, é bom notar), no tal portal aqui … Continuar a ler«Uma fervente sopa de letras» [Nuno Pacheco, “revista 2”, 24.03.2013]

«(Des)entendimento ortográfico» [Rita Pimenta, “Público”]

Acordo: (Des)entendimento ortográfico Rita Pimenta   Explica o dicionário que “acordo” significa “entendimento recíproco” e também “parecer favorável”. O mesmo é dizer “aprovação”, “consentimento”. No dia 13 de Maio, impôs-se oficialmente a adopção do Acordo Ortográfico de 1990. Em teoria, estamos a falar (e sobretudo a escrever) de “concordância”, “assentimento”, “convenção”, “pacto”. Na prática, nem … Continuar a ler«(Des)entendimento ortográfico» [Rita Pimenta, “Público”]

«Acção judicial popular contra Acordo Ortográfico» [“Público”, 14.11.14]

Mais de uma centena de personalidades de diversas áreas – incluindo académicos, escritores, músicos, actores e políticos de vários quadrantes – intentou, no Supremo Tribunal Administrativo, uma acção judicial popular contra a aplicação do Acordo Ortográfico de 1990 (AO90) ao sistema de ensino público, do ensino primário ao secundário. Manuel Alegre, Diogo Freitas do Amaral, … Continuar a ler«Acção judicial popular contra Acordo Ortográfico» [“Público”, 14.11.14]

«Censura e critérios editoriais» [Provedor do Leitor do jornal “Público”, 09.03.14]

Censura e critérios editoriais JOSÉ MANUEL PAQUETE DE OLIVEIRA 09/03/2014 – 04:58 Considero salutar continuarmos em linha aberta a debater, no PÚBLICO e outras frentes, as problemáticas da língua portuguesa. É facilmente admissível. Nem sempre é o jornal ou os seus jornalistas que são questionados pelos leitores. O provedor também o é. Por discordância com … Continuar a ler«Censura e critérios editoriais» [Provedor do Leitor do jornal “Público”, 09.03.14]