Português PT

Existe uma página da Universidade do Minho com diversos correctores ortográficos pré-AO90:

http://natura.di.uminho.pt/wiki/doku.php?id=dicionarios:main

Download de correctores ortográficos e/ou programas em Português-padrão:

1. Mozilla (diversos); download e instruções de instalação http://bit.ly/h6dLoy
2. para Opera http://audigy.com.sapo.pt/
3. para OpenOffice http://bit.ly/foGPRv
4. para Firefox http://natura.di.uminho.pt/download/sources/Dictionaries/mozilla/Pre-AO/
5. WordPress 3.1 http://bit.ly/f4tnQJ
6. Joomla http://bit.ly/ehXOoP
7. Vários dicionários/glossários (Projecto Natura): Firefox, Thunderbird, OpenOffice, LibreOffice, iSpell, jSpell, aSpell


Word (MS-Office) 7

(“click” na imagem para a ampliar)

1. Aceda ao endereço http://www.microsoft.com/pt-pt/download/details.aspx?id=5378
2. “Click” no botão cor-de-laranja (“Transferir”)
3. Siga as instruções no ecrã (guardar ficheiro, executar) para instalar o “suplemento”
4. Inicie o seu programa Word e siga os passos ilustrados na imagem

(“Post publicado em 12.05.15 AQUI)


 

«Para reverter o corrector do Microsoft Office de volta à boa norma, instalem este suplemento:» http://www.microsoft.com/downloads/pt-pt/details.aspx?FamilyId=470338AC-EF76-436A-B62E-35C8955A9874&displaylang=pt-pt

João Ruivo (em comentário neste “site”)

==== Como ter o corrector ortográfico pré-acordo no Office 2007 ====
Não gostas da aberrante “nova” ortografia que automaticamente o Office adoptou? Podes instalar este suplemento (SpellerSwitcherUtility) da Microsoft que “…permitir-lhe-á alterar a predefinição para a ortografia pré-acordo ou para permitir a coexistência das ortografias do pré e do pós-acordo. Só precisa de instalar este suplemento se quiser alterar o comportamento predefinido.”
Depois basta abrir o Word –> “Office button” (no canto superior esquerdo) –> “Word options” –> “Proofing/Verificação” (terceira escolha à esquerda) –> Em “Modos de Português de Portugal” escolher “pré-acordo” –> Ok.
Pronto.
link: http://www.microsoft.com/downloads/pt-pt/details.aspx?FamilyID=470338ac-ef76-436a-b62e-35c8955a9874

JB Pereira (em comentário neste site)


Para navegar na Internet com o Google Chrome lendo qualquer página em Português-padrão, instale uma “extensão” do Chrome.

«Olá! Recentemente, criei uma extensão para o Google Chrome (link: http://bit.ly/13pNGd7) que converte páginas escritas ao abrigo do acordo ortográfico de 1990 para o de 1945. Acho que vão gostar de saber e partilhar. Obrigado!»
Miguel Laginha

Desacordo Ortográfico

Este repositório tem 3 pastas:

• chrome extension tem o código fonte da extensão para o Google Chrome
• bookmarklet tem o mesmo código em formato de bookmarklet, para ser usado noutros browsers
• scripts inclui o código python usado para criar o ficheiro mappings.js, que tem os mapeamentos do acordo de 1990 para o de 1945.

Porquê
Não pretendo evangelizar ninguém, cada um tem os seus motivos. Se quiseres usar, usa. Se não quiseres, temos pena.

Posso contribuir?
Claro. Há duas formas de o fazer:

1.Identificar erros e/ou situações em que a extensão não funciona correctamente. Para isso basta abrir um issue e descrever o cenário.
2. Fazer fork e pull request com melhorias ao código. Cada pasta tem um ficheiro TODO.md com ideias de ajustes e correcções a fazer.

[Transcrição das indicações sobre esta extensão na página do autor, Miguel Laginha, em “GitHub”.]

Ver lançamento inicial deste trabalho de Miguel Laginha NESTE POST.


Para navegar na Internet com o FireFox lendo qualquer página em Português-padrão, instale uma “extensão” do Firefox e um ficheiro de conversão.

A instalação desta “extensão” do programa de navegação Firefox é extremamente simples:

1. Aceda ao endereço https://addons.mozilla.org/pt-pt/firefox/addon/foxreplace/ e “click” no botão “Transferir agora/Download Now”) e “Instalar Agora/Install Now”.
2. Re-inicie o Firefox.
3. No menu do Firefox, “click” na opção “Ferramentas/Tools”), seleccione “FoxReplace” e abra o sub-menu “Opções do FoxReplace/Options”).
4. Irá abrir uma nova “caixa” com as opções do FoxReplace.
5. Copie o endereço http://dl.dropbox.com/u/4967399/FoxReplace.xml e cole-o na linha em branco onde diz URL (como vê na imagem). Assinale as caixas de verificação “Update from Url/Actualizar de Url” e também “Auto-replace on page load/Substituir ao carregar página”. Por fim, “click” no botão “Ok”.

Veja mais pormenores e imagens NESTE POST.

[Ideia original e ficheiro de conversão da autoria de João Ricardo Rosa. Sugestão do próprio em comentário nesta página.]

Actualização em 18.04.12

Já foi lançado pelo autor da ideia o “site” onde pode encontrar todas as informações e indicações sobre esta (excelente) ferramenta de “navegação” na Internet: http://firefoxcontraao90.wordpress.com/


Tradução OpenCart v1.5.5.1

OpenCart é um sistema de E-Commerce Open Source desenvolvido principalmente na linguagem PHP licenciado nos termos da GNU General Public License, é uma solução gratuita, de código aberto para publicação e gestão de loja virtual, focado na facilidade de instalação e utilização.

Para todos os que gostam e apreciam bom Português podem descarregar o pacote de tradução do OpenCart v1.5.5.1 pt_PT.

[Transcrição literal. Botão para “download” do programa na página citada.]

[“Post” de 07.06.13]


Colabore!

Se tem conhecimento da localização de outros correctores ortográficos ou glossários do Português-padrão ou ainda de versões em “Português europeu” de quaisquer programas, deixe endereços para download nos comentários. E o mesmo vale, é claro, para todos os “extras”, extensões, “plugins” e “addons” ou ainda técnicas e processos que sirvam para o efeito.

15 thoughts on “Português PT

  1. Eu ainda não tenho isto pronto para publicação mas, dada a natureza da notícia, aproveito e faço isso mesmo de qualquer maneira.

    Há alguns meses que tenho vindo a usar um extra para o Firefox que permite a substituição e/ou manipulação de palavras nas páginas web. É o FoxReplace (https://addons.mozilla.org/pt-pt/firefox/addon/foxreplace/). Dito isto, desde que o tenho testado e usado que o uso para “desabortar” as palavras com que me cruzo, maioritariamente adicionar p’s e c’s onde “alguém ou alguma coisa” os cortou. Assim, apesar de, tal como já disse, não estar pronto, disponibilizo já o dicionário que tenho produzido até ao momento (o extra permite o download de dicionários): http://dl.dropbox.com/u/4967399/FoxReplace.xml

    Digo que não está pronto porque apenas tem as (já muitas…) famílias de palavras com que me vou cruzando, nos sites em que as mesmas aparecem. É claro que isto não é suficiente para consumo público, por isso estou a pensar em registar-me num de muitos sites que permitem a colaboração e ajuda do público, nomeadamente para sugerirem e indicarem palavras que faltem e sites que tenham “adotado” o AO90. Quando criar o site, estará lá tudo muito melhor explicado que aqui, isto agora é só para o “desenrasca”, palavra bem Portuguesa 🙂

  2. Evidentemente, esperamos (com ansiedade) a versão final para que aqui lhe possamos dar o mais do que devido destaque. Se nos quiser disponibilizar cópia para alojamento local (para “download” pelos nossos visitantes), melhor ainda.

    Saudações pela sua militância!

  3. @João: Essa é a ideia mais genial que ouvi nos últimos tempos!!! Não tenho como lhe agradecer. Simplesmente brilhante. Muitos parabéns!!

  4. Parece-me que a ligação para o verificador ortográfico do Firefox instala a versão errada, ou seja, a do “acordo” ortográfico.

  5. Solução no Microsoft Office 2010
    Abrir a caixa de atalho «o meu computador»; na caixa de pesquisa escrever PTReform e clicar enter para procurar; aparece o ficheiro na forma de um livro vermelho; clicar sobre o livro; abre a caixa de «definições de ortografia do Português» com as 3 opções; escolher a pré-reforma e clicar OK.

  6. Solução no Microsoft Office 2007
    Abrir a caixa de atalho «o meu computador»; na caixa de pesquisa escrever PTReform.exe e clicar enter para procurar; aparecem os ficheiros na forma de um livro vermelho; ao clicar sobre o livro abre a caixa de «definições de ortografia do Português» com as 3 opções; escolher a pré-reforma e clicar OK em todas as caixas/ficheiros.

  7. Português Europeu? E não só!: Português de Portugal, de todos os países africanos de Língua oficial Portuguesa, Macau, Timor, comunidades de emigrantes portugueses no estrangeiro e até antigas colónias portuguesas na Índia.

    Só um único país é que escrevia diferente. Por causa dessa “ovelha negra” somos obrigados a escrever de maneira diferente? Ditadura linguística?

    Não há mais nada a dizer, apenas que continuem a usar a grafia do Português! Na Língua alemã houve uma reforma ortográfica que foi seguida metade-metade pelos países germanófonos. Resultado – cada vez mais jornais e demais meios de comunicação social anunciam que voltarão à “grafia tradicional” do Alemão. Se todos “cagarmos” no AO o Estado será obrigado a “relegalizar” a Língua Portuguesa Standard.

  8. Para o Word 2010:
    Configurar a correção ortográfica do Word 2010 para a análise apropriada do texto. Para isso, comande Arquivo ; Opções. Acesse, no lado esquerdo da janela, a opção Revisão de Texto. Em Modos do Português, escolha uma entre as três opções: Pré-Reforma, Pós-Reforma ou Ambas. Esta terceira opção considera corretas palavras na ortografia nova e antiga.

  9. Informação importante para quem utiliza o LibreOffice como suite “office” no computador:

    Como provavelmente alguns constataram, o LibreOffice instala automaticamente no Writer (processador de texto) os correctores ortográficos – o que faz com que marque como erro palavras como “acção” ou “decepção”. Felizmente, há uma forma de nos livrarmos do “acordês”. Passo a explicitar:

    1) Se o LibreOffice estiver aberto, fechem-no. O próximo passo só funciona se o programa não estiver a ser executado.

    2) Abrir a pasta “C:\Program Files\LibreOffice 3.5\share\extensions” (ou no caso do Windows), ou a directoria equivalente do vosso computador

    3) Alterar o nome das pastas “dict-pt” e “dict-pt-pt” para outro nome qualquer.

    4) Abrir o LibreOffice

    5) Abrir o navegador de Internet e descarregar o dicionário pré-AO, do endereço http://maracujah.net/software/dict .

    6) Abrir o ficheiro descarregado no LibreOffice. Seguindo as instruções, livram-se de vez dos erros marcados e passarão a poder escrever “excepção” ou “actividade” sem verem o traço vermelho por debaixo das palavras.

  10. Errata:

    Onde se lê:
    « 2) Abrir a pasta “C:\Program Files\LibreOffice 3.5\share\extensions” (ou no caso do Windows), ou a directoria equivalente do vosso computador »

    Deve ler-se:

    2) Abrir a pasta “C:\Program Files\LibreOffice 3.5\share\extensions” (ou a pasta equivalente na configuração do Windows), ou a directoria equivalente no vosso sistema operativo (Mac Os, Linux, etc.) .

    Peço desculpa pelo facto de, inadvertidamente, ter deixado a frase algo manca. Fica a correcção.

  11. Boa-tarde,
    Não se trata de comentário. apenas pretendo saber qual a legislação que regula a Língua Portuguesa. a de 1945 e a de 1973 (quais os decretos e as respectivas datas).
    Agradeço desde já, a informação.
    Os meus cumprimentos,
    Fernando Ferreira

  12. Sim, pelos vistos…

    Foi coisa recente. Editando o código dos ficheiros mais recentes percebe-se que aquilo foi tomado de assalto por meia dúzia de programadores portugueses (a julgar pelos nomes que lá estão) que substituíram à pressa o PT-PT que lá estava pelo mais retinto acordês.

    Sendo assim, das duas, uma: ou se arranja uma versão correcta para “download” a partir daqui, do site da ILC, ou então, se não houver esse “pack”, lá teremos de apagar essa linha na página.

    Obrigado pelo alerta!

    P.S.: agora reparo que, pior ainda, os ficheiros foram adulterados com efeitos retroactivos, ou seja, os acordistas de serviço mantiveram os endereços e os nomes dos ditos ficheiros mas acordizaram-lhes o “miolo”, os conteúdos. O que é sumamente irregular, para não dizer ilegal, mas pronto, já sabemos que os acordistas são bandidotes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *